Crítica

Hansel_and_Gretel_Witch_Hunters_

João e Maria – Caçadores de Bruxas

Virou moda adaptar versões de clássicos infantis e esta é uma das melhores que pude assistir.

Vi Branca de Neve e o Caçador e como na história Branca de Neve (Kristen Stewart) torna-se a mais linda de todas e vira alvo de sua madrasta Ravena (Charlize Theron) que precisa do coração da moça para continuar eternamente jovem.

A mudança quanto ao Caçador (Chris “Thor” Hemsworth) ensinando-a a se defender ficou boa, mas o final poderia ser melhor e isto acabou com todo filme pra mim.

E sinceramente eu não acho Kristen Stewart tão bonita assim para personificar Branca de Neve, no entanto sua cotação estava em alta por conta da Saga Crepúsculo.

No conto infantil João e Maria são filhos de um lenhador que em acordo com sua mulher decide largar as crianças na floresta porque a família não tem condições para os manter. No caminho pela floresta João e Maria espalham migalhas de pão para não se perderem.

Mais os pássaros comem as migalhas e as crianças ficam realmente perdidas na floresta. Quando tentam voltar encontram uma casa feita de doce e como estão com muita fome acabam comendo doces. A dona da casa revela ser uma bruxa que quer engordar as crianças para depois comer sua carne.

Enquanto João comia e engordava. Maria ia trabalhando para depois ser a próxima, porém as crianças descobrem o plano da bruxa. Arranjam um jeito de engana-la e jogam ela no forno. Quando estão livres encontram seu pai, cuja mulher havia morrido, e voltam pra casa com comida pro resto de suas vidas.

A introdução ao filme se eu não estiver enganado deve seguir o estilo do livro dos Irmãos Grimm. Iniciando tal qual o conto as crianças são deixadas na floresta e encontram a casa de doces, mas depois de matar a bruxa tornam-se caçadores.

E ao longo dos anos João e Maria viram “celebridades” com suas proezas repercutindo por vários lugares.

João depois de adulto tem problema de glicose no sangue provavelmente por que comeu muito doce quando era criança como no livro original.

A parte interessante é que o filme muda de figura, pois João (Jeremy Renner) e Maria (a linda Gema Arterton) passam de caçadores a caçados. Primeiro pelo xerife da cidade e depois pela bruxa Muriel (Famke Jensen) numa assustadora atuação.

Gostei mais deste filme do que Branca de Neve e o Caçador. Porque as cenas de ação estão bem melhores, apesar de algumas mudanças bem indiscretas como o “toca discos” ou gramofone  e as armas que  “talvez” em sua grande maioria nunca foram produzidas naquela época.  São licenças poéticas no contexto mais que pra mim não estragaram nada, pois ficou ótimo.

O diretor Tommy Wirkola consegue subverter o conto original e transforma-lo em algo mais cruel, apavorante e ao mesmo tempo divertido.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Crítica

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s