Heróis Nipônicos

O Pirata do Espaço - Groizer X

Pirata do Espaço

Este anime clássico foi produzido em 1976 pela Dynamic Animation e pelo estúdio Knack Animation no renomado estilo mecha robô. Seu nome original é Groizer X e foi criado por Go Nagai e Gosaku Sakurada.

Mais só chegou por aqui em 1983 sendo exibido no programa Clube da Criança na extinta Rede Manchete.

Oriundo do distante planeta Gailar tinha a nave de pesquisa Gelmos  numa grande expedição pelo espaço. Diante de problemas técnicos teve que fazer um pouso de emergência. A tripulação teve muita dificuldade para voltar e teve que hibernar esperando resgate.

Então devido a testes nucleares realizados por seres humanos a nave ficou impossibilitada a retornar pra Gailar. Então o Imperador Geldon mandou levantar uma base no Pólo-Norte  com a intenção de conquistar nosso planeta.

Tendo a ajuda do cientista Chefe Gólin e também do General Dagar que por medo cumpria todas as suas ordens (só que secretamente desejava derrubar o Imperador pra tomar seu lugar).

O Imperador ainda contava com o cruel Marechal Dógus que tinha partes mecânicas em metade do seu rosto e um braço.

Mantendo a intenção de conquistar nosso planeta o Imperador Geldon matou o antigo comandante da nave e se apoderou dela tomando seu lugar. Prendendo o cientista Professor Yan que era um brilhante construtor de naves.

O  Professor Yan foi obrigado a construir uma nave de combate superior á qualquer outra para o Imperador Geldon.  O Pirata do Espaço é único, porque seu motor não podia ser copiado (somente o Professor conhecia seu projeto).

O Pirata do Espaço podia voar para fora da atmosfera terrestre e até permanecer submerso durante bastante tempo. A parte mais empolgante é que podia transformar-se em robô com as asas se recolhendo (para surgir braços em seu lugar).

A nave tinha uma grande variedade de armamentos como mísseis, raios e um enorme Torpedo-Voador.  E ainda tinha três pequenas naves de combate o Tubarão-Pirata, o Tanque Pirata e o Jato Pirata.

O Professor foge ao concluir a nave levando consigo sua filha Rita, mas é atingido por um tiro e manda a moça fugir sozinha.

Rita estava ferida á bordo do Pirata e a nave vindo em direção ao nosso planeta cai perto da Base Akane. Logo á moça é salva pela turma do  Professor Tobishima e seu protegido o intrépido piloto Joe Kasaka.

Quando Rita começa a se recuperar conta a história de tudo que aconteceu só que o Imperador quer o Pirata de volta pra poder conquistar nosso planeta e envia vários robôs-bombas para concretizar tal intento.

Joe vira piloto da nave ao lado de Rita para defenderem a Terra. Isto é o Japão, pois como estamos cansados de saber tudo quanto é monstro ou vilão desce na Terra do Sol Nascente para tentar conquistar o mundo, não sei porque?

Eu adorava quando o Professor Tobishima dizia: “Joe! Rita! Preparar o Pirata do Espaço” e então a rampa subia de baixo d’água com uma música de fundo para a nave decolar.

Lembro que Joe era bastante arrogante, mas devido a convivência com Rita mudou seu comportamento e então ambos se apaixonaram. E também Rita sofria constantemente, porque tinha que lutar contra pessoas que conhecia do Império Gailar.

Apesar de todos os problemas que enfrentaram Joe e Rita acabaram se apaixonando. E o  pior de tudo é que não puderam vivenciar este romance, pois não ficaram juntos no final (esta foi a única coisa que mais detestei).

A parte engraçada no anime era a presença do resto da equipe Akane que tinha o piloto Bacu (que adorava seu avião Dragão Vermelho), o pequeno e falador Sabu e ainda os mecânicos Ipen e Jem.

O detalhe era que Jem vivia como pescador, mas se virava muito bem na cozinha (só que seu maior sonho era tornar-se piloto e ninguém leva isto a sério).

Infelizmente quando trouxeram o anime pra cá fizeram uma besteira terrível ao mudar a abertura original. Colocando uma marchinha em seu lugar igualzinho como tinha acontecido com Don Drácula.

Quem teve o privilégio de assistir ao Pirata do Espaço nunca mais conseguiu esquecer.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Heróis Nipônicos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s